Lula e a corja PT-PSB vão zombar de nós

Por Paulinho Muniz / Dom Pablito

Domingo, 15 de Agosto de 2021 09:59
Categoria: Artigo Opinião Pensamento


Quem acompanhou a eleição no Recife sabe do que estou falando. Lembra bem João Campos chamando Lula de ladrão
Blog do Abelhudo

Lula e a corja PT-PSB vão zombar de nós (*)

Menos de um ano da eleição que o PSB impediu a volta do PT à Prefeitura do Recife, vinculando Marília Arraes ao roubo, ao carimbo da corrupção da quadrilha que promoveu o maior assalto aos cofres públicos da história do País, desvendado pela operação Lava Jato, os principais líderes da legenda socialista, inclusive o algoz de Marília e do PT, o prefeito João Campos. Hoje eles se juntam num banquete da desfaçatez, no Palácio das Princesas, símbolo do poder estadual, para dizerem, em uníssono, que Lula é a alma mais honesta do planeta terra Brasil.

Infelizmente, políticos em geral não conhecem o ódio, nem o amor também. São conduzidos pelo interesse e não pelo sentimento. Dá nojo, um azedume terrível. Quem acompanhou a eleição no Recife sabe do que estou falando. Lembra bem João Campos chamando Lula de ladrão, ele mesmo, o herdeiro de Eduardo Campos, o Príncipe, como o PT o carimbou, retrato da expressão viva e latente do continuismo de um grupo que tem feito tão mal a Pernambuco e ao Recife, particularmente.

O Recife, a capital do Nordeste, falsa propaganda alardeada por Geraldo Júlio, o Geraldo Covidão, o qual ganhou este apelido por ter batido um recorde na história do País: sete operações de investigação de roubo em sua gestão pela Polícia Federal em cima do dinheiro da pandemia, mandado pelo Governo Federal para salvar vidas ameaçadas pela Covid, desviado em compras superfaturadas, incluindo até respiradores para porcos.

Políticos e fraldas deveriam ser trocados de tempos em tempos pelo mesmo motivo, diz a ironia  da resistência dialética a essa caterva. Voltaire, o iluminista francês, dizia que a política tem a sua fonte na perversidade e não na grandeza do espírito humano. Concordo também com Ronald Regan: "Eu achava que a política era a segunda profissão mais antiga. Hoje, vejo que ela se parece muito com a primeira".

O banquete de hoje à noite no Palácio, com o dinheiro meu, seu, nosso, para apagar, diante da alma mais honesta do planeta, o agora santo Lula, todos os impropérios desferidos pelo PSB nas ruas, pela TV e redes sociais, contra o ex- preside e seu PT na campanha para derrotar Marília, a quem o próprio Lula colocou nos braços, é um escárnio.

O escárnio é seu comparsa, a falsidade é sua amiga. ?Pior que a falta de ética é o escárnio, cinismo que afronta a inteligência alheia. O PSB abre as portas do Palácio das Princesas para receber Lula e brindar à corrupção. Em apenas quatro anos da era PT no País, as operações de combate à corrupção, realizada pela Polícia Federal, investigaram desvios de mais de R$ 48 bilhões, segundo dados da PF obtidos pela GloboNews via Lei de Acesso à Informação.

Os dados da Diretoria de Investigação de Combate ao Crime Organizado da PF mostram detalhes de 320 operações realizadas pela PF entre 2014 a 2017. Nesse período, foram apurados supostos desvios de dinheiro público que correspondem a uma média de R$ 33 milhões desviados por dia.

O relatório inclui todas as grandes operações da PF realizadas ao longo dos últimos anos, inclusive a Operação Lava Jato, e nos setores de transporte, saúde, educação, saneamento básico e fundos de aposentadoria.

Segundo o levantamento, as quantias apuradas aumentaram ano a ano. Em 2014, foram apontados R$ 198 milhões. Em 2015, R$ 2,5 bilhões. Em 2016, R$ 18,7 bilhões e, em 2017, R$ 29,4 bilhões. Não sejamos bobos nem inocentes: a corrupção dos governantes quase sempre começa com a corrupção dos seus princípios.

PT e PSB, dá para concluir, não têm princípios. Lula, Paulo Câmara, Geraldo Covidão, João Campos, o Príncipe, e toda corruptela dessa união vermelha, quando estiverem, hoje, brindando a reconciliação zombarão de todos nós, é verdade.

Mas eles contrariam o princípio de que a corrupção é um crime sem rosto. Santo Agostinho dizia que com a corrupção morre o corpo, com a impiedade morre a alma.

Triste Brasil, coitado do nosso Pernambuco Leão do Norte!

(*) Autor/Fonte; Jornalista/Blogueiro Magno Martins - Publicado originalmente no blogdomagno - https://www.blogdomagno.com.br/ver_post.php?id=226169


Leia mais Sobre Artigo Opinião Pensamento



Comente ou Compartilhe em Sua Rede Social